sexta-feira, 8 de janeiro de 2010

Parece Estranho


http://www.4shared.com/file/191609535/8c7b6dfc/stereobox_parece_estranho.html

Depois de 7 anos de Stereobox, a formação principal se separou em 2006. Fiquei sozinho carregando a história, o nome, as glórias e derrotas da banda. Disso surgiu essa canção. Usei uma linguagem romântica pra ilustrar o quão estranhos podem parecer íntimos e também como eu me vi naquela situação.

PARECE ESTRANHO (Ico Neto)

Às vezes me parece bom
E às vezes me parece estranho
O que era tão familiar

Às vezes eu pareço um só
E às vezes eu pareço tantos
E ninguém

Sem o seu amor não é certo
Tudo é desigual

Às vezes eu queria ver
Teus lindos olhos castanhos
Que às vezes me parecem o sol
E às vezes me parece estranho
E outras vezes temporal

Sem o seu amor nada é sempre
Tudo desigual

Eu sei que tudo não passou de um sonho
Que às vezes me parece bom
E às vezes me parece estranho

Nenhum comentário:

Postar um comentário